Conheça o projeto social “FICA”, que atende crianças em Ituiutaba
R. Luiggi/Divulgação

A Associação – Projeto Social “FICA” (Formação e Instrução da Criança e do Adolescente), em Ituiutaba, teve início em 2016, com o apoio de um  grupo de pais em um clube da cidade, e visa o acolhimento de crianças, adolescentes e de famílias em situação de risco, proporcionando inclusão social por meio de atividades voltadas à educação, convivência, disciplina e relações humanas.

O trabalho é feito de forma multifuncional, que se dá por meio de várias atividades em prol do desenvolvimento das crianças e adolescentes com  medidas socioeducativas, visando o reforço educacional, social e familiar,  e atende crianças e adolescentes de 6 a 17 anos, e inclui também portadores de autismo, Síndrome de Down, deficiência física.

No centro são propostas várias atividades onde, de segunda à quinta-feira, os alunos fazem cursos de manicure, pintura, costura, hidráulica e eletricidade, informática, educação financeira, bem como recebem instruções de civismo, noções de segurança,  socorro, prevenção de acidentes domésticos e de trânsito, dentre outros; sempre buscando, também, proporcioná-los diversão e entretenimento com jogos, brincadeiras, catira e esporte.

O projeto possui ajuda de cerca de 70 voluntários não remunerados, entre psicólogos, assistentes sociais, educadores, professores de educação física, e mantém  parcerias com a Universidade Federal de Uberlândia (UFU), Universidade Estadual de Minas Gerais (UEMG), bem como com escolas municipais e estaduais, além de receber também  o apoio da comunidade e das empresas que, por meio de doações, ajudam no mantimento do trabalho que chega a servir cerca de 360  refeições e lanches diários, além de efetuar doações de cestas básicas.

Mais de 60 participantes do projeto já foram encaminhados para o mercado de trabalho, bem como dezenas de alunos já direcionados às principais instituições educacionais de Ituiutaba, além da recuperação de mais de 60 usuários de drogas.

“O projeto busca também criar um centro educacional em parceria com o município,  para possibilitar aos alunos de baixa renda disputarem de igual para igual as vagas nos vestibulares e demais concursos”, afirmou o coordenador do projeto, Sargento Oliveira.

Para pais interessados, as matrículas para o ano de 2020 se iniciarão no dia 25 de novembro.

Para doações e outras informações, pelo telefone(34) 3261 – 3876.

O centro de Formação e Instrução da Criança e do Adolescente fica localizado na  Rua João Martins de Andrade, Nº 452-A, Bairro Alvorada.

Outros telefones disponíveis para contato:

  • 99696 – 4578 (Cida)
  • 99766 – 4521 (Giselia)
  • 99791 – 6835 (Deonice)
  • 99665 – 0294 (Sargento Oliveira)

 

Leia também
Novo Comando

54° Batalhão de Ituiutaba tem novo Comandante

Em solenidade bastante concorrida, realizada na manhã desta quinta-feira (15) na sede do 54° Batalhão de Polícia Militar …

Há 3 dias atrás - 43
Aplicativos

Brasil é o 3º país em que pessoas passam mais tempo em aplicativos

As pessoas passaram 3 horas e 40 minutos, em média, utilizando aplicativos (também conhecidos como apps) em 2019. …

Há 3 dias atrás - 20
Saúde

Hemominas esclarece mitos e verdades sobre doação de sangue

Não importa saber ou não o próprio tipo sanguíneo: pessoas de ambos os sexos, com faixa etária entre …

Há 3 dias atrás - 143