Presidente Jair Bolsonaro revoga decreto que proibia expansão do cultivo da cana-de-açúcar na Amazônia
Divulgação/Reprodução

Em vigor desde 2009, decreto que estabelecia zoneamento agroecológico da cana-de-açúcar foi revogado pelo Governo Federal. A norma proibia que, em biomas como a Amazônia e o Pantanal, o cultivo da planta avançasse.

“A regra estava defasada após a formação do código florestal, que trouxe medidas protetivas mais condizentes com a realidade”, declarou o Governo e, segundo o Ministério da Agricultura, o desenvolvimento de novas tecnologias indicavam que os parâmetros do zoneamento passaram a ser insustentáveis.

A pasta ainda sustenta que as regras barravam os investimentos na produção de bio-combustíveis provenientes da cana-de-açúcar.

A decisão do Governo gerou controvérsia:

O pesquisador da universidade federal de Minas Gerais, Raoni Rajão, diz que os riscos de desmatamento não são substanciais, uma vez que esses biomas não são favoráveis ao plantio da planta.

Para o especialista, no entanto,  o fim do zoneamento agroecológico vai comprometer o posicionamento do etanol brasileiro em mercados globais, como a União Européia, responsável pela exportação de mais de 850 milhões de litros.

Já o presidente da União da Indústria da Cana-de-açúcar, Evandro Gussi, entende que o instrumento teve papel importante no passado, mas perdeu a efetividade e passou a  fazer parte do arcabouço burocrático brasileiro.

Em nota, Gussi afirmou que o Código Florestal e o RenovaBio  serão capazes de garantir a proteção do setor.

 

Leia também
Agronegócio

Safra de grãos 2019/2020 deverá ser recorde

A estimativa da safra 2019/2020 de grãos indica uma produção de 248 milhões de toneladas, com aumento de …

Há 2 semanas atrás - 41
Agronegócio

Cotações de Mercado: Confira os valores desta terça-feira, 07 de Janeiro

Acompanhe ao valores referentes às cotações de mercado na região, de acordo com o Sindicato de Produtores Rurais …

Há 2 semanas atrás - 83
Agronegócio

Atuação do Programa Certifica Minas será intensificada em 2020

As mais de mil certificações emitidas em 2019 pelo programa Certifica Minas comprovam os bons resultados do trabalho …

Há 2 semanas atrás - 52